DIA8
Dia 8 – Fazendo perguntas
“Depois disso, Jesus saiu e viu um publicano chamado Levi, sentado na coletoria, e disse-lhe: “Siga-me”. Levi levantou-se, deixou tudo e o seguiu.” Lucas 5.27-28
Que tipo de pessoa chama alguém com uma simples palavra “siga-me” e esse alguém deixa tudo para segui-lo? Acredito que alguém que ama muito, que ama em perdão, em atitudes e em provas desse amor tem autoridade suficiente para dar um comando e ser aceito imediatamente e sem ressalvas.

Jesus veio ao mundo para amar e nos amou até a morte e morte de cruz. Por isso ganhou tantos corações e ainda ganha até hoje.

Como pecadores, carecemos do perdão do Pai encontrado no sacrifício de Jesus Cristo. Além disso, ainda precisamos abdicar um pouco de nós mesmos a cada dia.

O desafio de hoje precisa ser encarado como uma oportunidade de gerar relacionamento saudável com seus filhos.

Pelo menos uma vez por ano, faço a pergunta:
“_ Diga o que mais gosta em sua mãe e o que menos gosta”. O que eles mais gostam eu preciso estar reforçando e o que menos gostam preciso avaliar e tentar mudar de atitude. Para minha surpresa, numa dessas vezes, meu filho mais velho falou que eu começava as frases, em conversas com eles, e não terminava. Como assim? Fiquei chocada!!! Eu faço isso? Faz sim, mainha!!! Noooooosssssa, eu devo estar com aquela síndrome do pensamento acelerado citada por Dr. Augusto Cury. Disse que me corrigissem quando eu repetisse isso novamente. Acredito que hoje eu tenha superado esse ponto negativo.

Mâos à obra! Educar acredito ser um dos desafios mais difíceis e maravilhosos que o Senhor colocou em nossas vidas. Vamos ganhar os corações dos nossos filhos?

Ele mesmo nos ajudará a ser melhores pais, em nome de Jesus. Ele é o pai perfeito!

O Senhor te abençoe!

Um grande abraço,

Samara Queiroz


Versículos bíblicos utilizados na versão NVI-Nova Versão Internacional