No tempo dos reis em Israel, houve um rei mau chamado Acabe. Ele fazia o que Deus reprova. Ele adorava a baal e também prestava custo aos deuses de sua mulher Jezabel. Certo dia, teve vontade de possuir a vinha do seu vizinho Nabote. Foi lá ter com ele e fez-lhe uma excelente oferta, mas Nabote negou-se a negociar a terra que lhe foi dada por herança dos seus pais.

Nos dias de hoje diria que Acabe fez beicinho, bateu o pé. Ele ficou bastante chateado. Chegou em casa e não queria mais comer nem falar com ninguém porque havia sido desapontado, tremendamente desapontado, sem levar em consideração os motivos. Quando sua mulher, Jezabel, soube do que se tratava, mandou matar Nabote a fim de que o marido tivesse a vinha que desejava.

Quando Nabote morreu, Acabe levantou-se para tomar posse da vinha. Mas a palavra do Senhor veio ao profeta Elias que a transmitiu ao rei.

“E ele diz: ‘Vou trazer desgraça sobre você. Devorarei os seus descendentes e eliminarei da sua família todos os do sexo masculino em Israel, sejam escravos sejam livres. Farei à sua família o que fiz à de Jeroboão, filho de Nebate, e à de Baasa, filho de Aías, pois você provocou a minha ira e fez Israel pecar’.” 1 Reis 21.21-22

O Senhor ainda falou que os cães haveriam de devorar Jezabel e lamber o sangue do próprio Acabe, por fazer o que o Senhor reprova.

“Quando Acabe ouviu essas palavras, rasgou as suas vestes, vestiu-se de pano de saco e jejuou. Passou a dormir sobre panos de saco e agia com mansidão.

Então a palavra do Senhor veio ao tesbita Elias: “Você notou como Acabe se humilhou diante de mim? Visto que se humilhou, não trarei essa desgraça durante o seu reinado, mas durante o reinado de seu filho.” 1 Reis 21.27-29

Quero fixar nesta hora nas misericórdias do Senhor sobre a vida de todos nós. Veja que Acabe era um rei mau e que fazia o que o Senhor sempre reprovou, pois Ele ama a fidelidade dos seus filhos para com Ele e rejeita a idolatria a outros deuses. Mesmo Acabe sendo ruim, quando o mesmo se humilhou diante do Senhor, recebeu misericórdia.

Humilhem-se diante do Senhor, humilhem-se em Sua maravilhosa presença. Saibam e profecem que Ele É Deus, Ele é Senhor sobre nossas vidas e Senhor sobre o tempo e todas as coisas… Você pode estar pensando que o seu problema é grande demais! Quero te dizer que não há nada grande para o todo poderoso. Ele PODE!

Eu não me envergonho de dizer que me humilhei muito diante do Senhor, chorei. Chorei sozinha, chorei com meu marido e chorei com amigas de oração. Eu não tinha, eu não tenho outro a quem recorrer. Saiba que você também não tem melhor do que o Senhor dos senhores para pedir misericórdia diante de sua situação. Rogando por mais dias de vida, Ele me ouviu e me atendeu, mesmo sendo pobre pecadora.

Esta história da vinha do vizinho Nabote nos lembra de não olharmos para o vizinho e sim para quem está no alto: o Senhor dos senhores. Que Ele tenha misericórdia de nós e atenda o nosso clamor quando nos humilharmos em sua presença, em nome de Jesus! Amém!

Um grande abraço,

Samara Queiroz
Líder da Rede de Mulheres
Igreja Cidade Viva